Aspecto epidemiológico da febre amarela e raiva envolvendo primatas não humanos. Período de 2014 a 2018, região bragantina sp

Autores

  • Julia Gonçalves Bom
  • Luís Eduardo da Silva Costa

DOI:

https://doi.org/10.17648/1678-0795.momentum-v18n18-285

Resumo

As zoonoses representam uma preocupação constante para as autoridades e profissionais
voltados à saúde pública e medicina preventiva. O estudo teve como objetivo principal
investigar os aspectos epidemiológicos da Febre Amarela e da Raiva envolvendo primatas não
humanos, nos anos de 2014 a 2018 na região de Bragança Paulista – SP. Para a realização do
estudo, foram utilizados questionários aplicados via e-mail aos serviços de vigilância
epidemiológica e de controle de zoonoses dos municípios da região estudada. Estes foram
elaborados contendo 22 perguntas. É importante a análise dos dados epidemiológicos, pois
dessa forma o serviço de saúde pública pode antecipar seus movimentos para assim poder
proteger a população humana suscetível.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-27

Como Citar

Bom, J. G., & Costa, L. E. da S. (2020). Aspecto epidemiológico da febre amarela e raiva envolvendo primatas não humanos. Período de 2014 a 2018, região bragantina sp. MOMENTUM, 18(18). https://doi.org/10.17648/1678-0795.momentum-v18n18-285

Edição

Seção

Artigos