A Inserção de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho: Um estudo na Cidade de São Paulo e Grande ABCD Paulista

Hilda Cordeiro Braga, Juliana Cristine Pereira

Resumo


O presente trabalho investiga o processo de inclusão de pessoas com defi ciência no mercado de trabalho, em cumprimento ao programa de cota (Lei nº 8.213/91), das empresas com 100, ou mais, colaboradores. Para tanto, analisam-se os dados disponibilizados pelo Ministério do Trabalho e de empresas, de médio e grande porte, da cidade de São Paulo e do Grande ABCD, em sua maioria do segmento industrial. Como principais resultados, a pesquisa revela a difi culdade das empresas da cidade de São Paulo e Grande ABCD paulista em encontrar profi ssionais – pessoas com defi ciência - qualifi cados no mercado de trabalho; e a ausência de entidades especializadas em qualifi car essas pessoas e proporcionar a integração entre estas e as empresas.

Palavras-chave


Lei de Cotas; Pessoas com defi ciência; Inclusão social.

Texto completo:

PDF

Referências


APE. Associação para Valorização de Pessoas com Defi ciência. Disponível em: . Acesso em 30.06.2010.

BECHTOLD, Patrícia Barthel; WEISS, Sílvio Luiz Indrusiak. A Inclusão das Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais no Mercado de Trabalho. Trabalho de Conclusão de curso de Psicopedagogia. Blumenau: Instituto Catarinense de Pós-Graduação, 2007. Disponível em: . Acesso em 13.05.2010.

BRASIL. Constituição (1998). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília – DF: Senado, 1998.

BRASIL. Lei n. 8.213, de 24 de junho de 1991. Dispõe sobre os Planos de Benefícios da Previdência Social e dá outras providências. Diário Ofi cial da União. Brasília, 25 jul.1991.

BRASIL. Decreto n. 3.298, de 20 de de4zembro de 1999. Regulamenta a Lei nº 7.853, de 24 de outubro de 1989, dispões sobre a Política Nacional para a Integração da Pessoa portadora de Defi ciência. Consolida as normas de proteção e dá outras providências. Diário Ofi cial da União. Brasília, 21 dez. 1999.

BRASIL. Decreto n° 5.296, de 02 de dezembro de 2004. Brasília – DF: 2004. Disponível em: . BRASIL. Decreto n° 914, de 06 de setembro de 1993, Brasília – DF: 1993. Disponível em: . BRASIL. Censo 2000. IBGE: 2000. Disponível em: . Acesso em 30.04.2010.

BRASIL. Relação Anual de Informações Sociais (RAISs) 2008. Ministério do Trabalho e Emprego: 2008. Disponível em: . Acesso em 16.04.2010.

MATARAZZO, C. Vai encarar?: A nação (quase) invisível de pessoas com defi ciência. São Paulo: Melhoramentos, 2009.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA. INEP. Censo do Ensino superior-2008. Disponível em: . Acessado em 13.09.2010.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA. Declaração de Salamanca. Brasília: Secretaria de Educação Especial. Ministério da Educação e Cultura. Disponível em: . Acesso em 09.02.2010.

NAÇÕES UNIDAS. Declaração dos Direitos Humanos de 1948. Texto disponível em: . Acesso em 13.01.2010.

NERI, M.; CARVALHO, A.P.; COSTILHA, H.G. Políticas de cotas e inclusão trabalhista de pessoas com defi ciência. Ensaios Econômicos da EPGE/FGV. Rio de Janeiro: v. 462, 2002. Disponível em: . Acesso em 14.06.2010.

OIT. Manual Básico para a integração normalizada de Pessoas Portadoras de Defi ciência nas instituições de formação profi ssional. In: Série Normalizada na Formação parao Trabalho: Um processo de Inclusão Social, livro 11. Montevidéu, 1998.

ONU. Declaração dos Direitos das Pessoas Portadoras de Defi ciência (Resolução n° 2.542/75), de 09 de dezembro de 1975. Disponível em: .

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO. Escritório no Brasil. Disponível em: . Acesso em 17.02.2010.

PASTORE, J. O direito ao trabalho. São Paulo: LTr, 2000.

RAMALHOS CRISTINA, SOUZA RESENDE, Ednéia, João Batista. Difi culdade da Inclusão do Defi ciente Físico no Mercado de Trabalho. 2006, 8 p. (Publicação semestral da Faculdade de Ciências Jurídicas e Gerencias de Garça FAEG/FAEF). Disponível em: .

REBELO, Paulo Antonio de Paiva. A Pessoa com Defi ciência e o Trabalho. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2008. 136p.

ROSA, E R.; CARDOSO, A. M F; CABRAL, N. Pessoa com defi ciência: Reformulando conceitos e valores. Cascavel: Governo Municipal de Cascavel, 2003.

SASSAKI, R.K. Inclusão: da pessoa com defi ciência no mercado de trabalho. 3. ed. Rio de Janeiro: WVA, 1999.

SILVA, G.P. O signifi cado do trabalho para o defi ciente visual. Dissertação de Mestrado em Psicologia. Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Belo Horizonte, 2007.

TESTA, Luciano; Roberto MACHADO. Dados mostram queda na contratação de defi centes. Rede de Universidades. Reportagem de 05.03.2010. Disponível em: . Acesso em 05.05.2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Hilda Cordeiro Braga, Juliana Cristine Pereira



Centro Universitário UNIFAAT