Estudo de Readequação dos Pisos de Acessibilidade Tátil-Visual em Espaços Universitários

Marcelo de Almeida Silva, David Pacheco Vilela, Adinele Gomes Gimarães, SANT’ANNA, Daniele Ornaghi Sant'Anna

Resumo


Grande parte das instituições federais de ensino foi edificada em uma época em que acessibilidade não era pauta nas obras públicas A execução de projetos voltados para acessibilidade tátil visual apresenta custo reduzido e atende um número significativo de alunos da universidade. Este trabalho consiste em um estudo de adequação de espaços construídos na Universidade Federal de Itajubá do ponto de vista da acessibilidade, com ênfase na sua viabilidade econômica e coerentes com as normativas vigentes, no sentido de maximizar a economia de recursos públicos, prevendo reutilização do material já instalado em pontos incoerentes no prédio. Foi elaborado um cronograma físico-financeiro, orçamento sintético referente as alterações necessárias e um comparativo da economia gerada, no sentido que este trabalho contribuísse virtualmente com o desenvolvimento da Universidade.


Palavras-chave


Acessibilidade Tátil Visual. Prédio da Administração Central. Salas de Aula Assistivas.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 9050: Acessibilidade e edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. Rio de Janeiro: ABNT, 2015.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 16537: Acessibilidade – Sinalização tátil no piso – Diretrizes para elaboração de projetos e instalação. Rio de Janeiro: ABNT, 2016.

BASIL, C. Os alunos com paralisia cerebral e outras alterações motoras. In: COLL, C.; PALACIOS, J.; MARCHESI, A. Desenvolvimento psicológico e educação: necessidades educativas especiais. Porto Alegre: Artes Médicas, 2004. p.215-233.

BLASCH B.; STUCKEY K.. Accessibility and mobility of persons who are visually impaired: A historical analysis. Journal of Visual Impairment & Blindness (JVIB), v.89, n. 05, p. 417-422, set./out.1995.

BRASIL. DECRETO Nº 7.983, de 8 de abril de 2013. Regras e critérios para elaboração do orçamento de referência de obras e serviços de engenharia, contratados e executados com recursos dos orçamentos da União.

_____. IBGE. Censo Demográfico, 2010. Disponível em: . Acesso em 01 nov. 2018

_____. Lei Nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência.

_____. Lei Nº 10.048, de 8 de novembro de 2000. Lei Brasileira de Acessibilidade.

_____. Lei Nº 13.303, de 30 de junho de 2016. Estatuto jurídico da empresa pública, da sociedade de economia mista e de suas subsidiárias, no âmbito da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

CPOS – Boletim Referencial de Custos. Disponível em: http://boletim.cpos.sp.gov.br. Acesso em: 01 nov. 2018.

EDUCAÇÃO INCLUSIVA. As deficiências e como lidar com cada uma delas. 2013. Disponível em: http://educaoinclusiva-cladir.blogspot.com.br/2013/06/as-deficiencias-e-como-lidar-com-cada.html. Acesso em: 13 fev. 2019.

MINAS GERAIS. Corpo de bombeiros militar do Estado de Minas Gerais. Instruções técnicas. Disponível em: http://www.bombeiros.mg.gov.br/component/content/article/471-instrucoes-tecnicas.html. Acesso em: 15 maio 2019.

PAISIOS, N. Mobile Accessibility Tools for the Visually Impaired. 2012. Tese (Doutorado) – Departamento de Ciência Computacional, Instituto de Ciência e Matemática, Universidade de Nova York. 2012.

SANTOS, L. K. S. Diretrizes de arquitetura e design para adaptação da habitação de interesse social ao cadeirante. 2004. Dissertação (Mestrado em Construção Civil) – Pós-graduação em Construção Civil, Setor de Tecnologia, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2004.

SINAPI. Índices da Construção Civil. Disponível em: http://www.caixa.gov.br/site/Paginas/downloads.aspx#categoria_648. Acesso em 03 mai. 2014.




DOI: https://doi.org/10.17648/1678-0795.momentum-v1n17-241

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Marcelo de Almeida Silva, David Pacheco Vilela, Adinele Gomes Gimarães, SANT’ANNA, Daniele Ornaghi Sant'Anna



Centro Universitário UNIFAAT